Torne-se um membro e registe o seu voto! Como ser membro?
keyboard_arrow_down
translate
Área Reservada
close

Área Reservada

Recupere o acesso à sua conta.
email
menu
E os vencedores são…: 
Lisboa, Porto, Guimarães e Ponta Delgada. Conheça aqui a lista completa:

PRÉMIO NACIONAL DE REABILITAÇÃO URBANA 2022 – RESIDENCIAL
Rua Ivens 18-28 (Lisboa)
PRÉMIO NACIONAL DE REABILITAÇÃO URBANA 2022 - COMERCIAL & SERVIÇOS
Palácio dos Correios (Porto)
PRÉMIO NACIONAL DE REABILITAÇÃO URBANA 2022 – TURÍSTICO
Hotel M.Ou.Co. (Porto)
PRÉMIO NACIONAL DE REABILITAÇÃO URBANA 2022 - IMPACTO SOCIAL
Edifício Teatro Jordão e Garagem Avenida (Guimarães)
PRÉMIO NACIONAL DE REABILITAÇÃO URBANA 2022 – CIDADE DE LISBOA
The Editory Riverside Santa Apolónia Hotel (Lisboa)
PRÉMIO NACIONAL DE REABILITAÇÃO URBANA 2022 – CIDADE DO PORTO
Hotel Eurostars Aliados (Porto)
PRÉMIO NACIONAL DE REABILITAÇÃO URBANA 2022 – INTERVENÇÃO INFERIOR A 1000 M2
Casa na Mãe de Deus (Ponta Delgada)
PRÉMIO NACIONAL DE REABILITAÇÃO URBANA 2022 – INTERVENÇÃO DE RESTAURO
Edifício Municipal Casa da Calçada (Viseu)
PRÉMIO NACIONAL DE REABILITAÇÃO URBANA 2022 - REABILITAÇÃO ESTRUTURAL (EX-AEQUO)
The Editory Riverside Santa Apolónia Hotel (Lisboa)
Hotel Eurostars Aliados (Porto)
PRÉMIO NACIONAL DE REABILITAÇÃO URBANA 2022 - SUSTENTABILIDADE
Edifício Litografia Lusitana (Porto)
O Prémio Nacional de Reabilitação Urbana (PNRU) é uma iniciativa organizada pela Vida Imobiliária, sendo uma das mais relevantes premiações de excelência no setor imobiliário português, assinalando agora a sua 10ª edição. No decorrer destes dez anos quase 700 intervenções de reabilitação urbana, situados em todo o país, concorreram ao Prémio Nacional de Reabilitação Urbana, tendo sido distinguidos 89 projetos em 19 concelhos do país.
Os vencedores foram escolhidos por um júri composto por cinco personalidades de reconhecido mérito académico e profissional, nomeadamente: o professor Raimundo Mendes da Silva, doutorado em engenharia civil e coordenador da equipa do projeto de investigação aplicada «Reabilitar como Regra»; o economista e professor, João Duque; o arquiteto e antigo Presidente da Ordem dos Arquitectos (triénio 2017-2019), José Manuel Pedreirinho; o arquiteto e Diretor-Geral da DGPC, João Carlos Santos; e o engenheiro e Presidente da AICCOPN e CPCI, Manuel Reis Campos. De destacar ainda a colaboração da Adene – Agência para a Energia responsável pela avaliação e pré-seleção dos candidatos elegíveis na categoria de Sustentabilidade.
A concurso estiveram dez categorias, sendo elegíveis projetos concluídos entre 1 de janeiro de 2020 e 31 de dezembro de 2021, com a condição de que não tenham sido candidatos em edições anteriores do Prémio. As categorias a concurso compreendem: 1) Cidade de Lisboa; 2) Cidade do Porto; 3) Impacto Social; 4) Residencial; 5) Turismo; 6) Comércio & Serviços; 7) Reabilitação Estrutural; 8) Restauro; 9) Intervenção inferior a 1.000 m2; 10) Sustentabilidade.
O Prémio Nacional de Reabilitação Urbana conta com o Alto Patrocínio do Governo de Portugal, concedido através da Direção Geral do Património Cultural, entidade tutelada pelo Ministério da Cultura. Esta é uma iniciativa à qual a SECIL se associa de forma ampla e que reúne um vasto apoio do setor empresarial, institucional e da sociedade civil. Conta com os apoios da Schmitt+Sohn Elevadores, Savills e Victoria Seguros na categoria platina; da Sanitana, da Revigrés e CIN na categoria ouro.

Fonte: https://reportugal.vidaimobiliaria.com/atualidade/reabilitacao-urbana/lisboa-porto-guimaraes-viseu-ponta-delgada-vencem-premio-nacional-reabilitacao-urbana/
 

Deixe o seu comentário a esta publicação:

close
Em caso de litígio o consumidor pode recorrer a uma Entidade de Resolução Alternativa de Litígios de consumo:

CICAP – Tribunal Arbitral de Consumo
Rua Damião de Góis, 31, Loja 6, 4050-225, Porto
+351 22 550 83 49 / +351 22 502 97 91
cicap@cicap.pt

Mais informações em Portal do Consumidor www.consumidor.pt